terça-feira, 17 de dezembro de 2013

4º mês do Davi aqui do lado de fora....

Oi pessoas queridas,

Semana passada, dia 10/12, meu lindinho completou 4 meses e eu mal posso acreditar em como o tempo está passando rápido, outro dia eu ostentava um barrigão de dar inveja e agora lá se vão 4 meses!!!

Bem, como estamos nos nossos papeis de mãe e filho?

Gente, nem preciso repetir o clichê que são 4 meses de amor, 4 meses do mais puro, intenso e verdadeiro amor que existe neste mundo, né?
Estou apaixonada, ridiculamente apaixonada, cada dia mais e mais e mais... Todos os dias eu vou dormir achando que sinto o maior amor do mundo e acordo sentindo ele maior ainda! Às vezes esse amor chega fazer doer o peito, sabem como é? Eu sei que vocês sabem! :)

Gente, TUDO está maravilhoso, eu e o Davi nos entendemos tão bem, eu já consigo percebê-lo tão nitidamente, as coisas estão tão previsíveis, tão gostosas, a cada dia eu o entendo mais e melhor... Estou AMANDO meu mais novo papel, o de mãe e todos os dias olho pro meu pequeno e continuo me perguntando: Por quê esperei tanto pra tê-lo em meus braços, como pude viver tanto tempo sem você aqui?! Este pensamento às vezes me angustia, mas tb me estimula a curtir cada segundo ao lado dele, a curtir cada fase, cada descoberta... Ai como eu amo ser mãe do DAVI.

Davi é um bebê maravilhoso, e não é só pq ele é lindo mesmo, lindo de viver, gostoso, cheiroso, cheio de dobrinhas.... Ele é maravilhoso pq é um bebê sorridente, feliz, alegre... CATIVANTE é a palavra!

Ele acorda sorrindo, passa o dia sorrindo e vai dormir sorrindo... É daqueles bebês que podem estar exaustos, caindo pelas tabelas, mas se alguém brincar/mexer com ele, ele esboça um sorriso!!!

É daqueles bebês que mesmo chorando, se você conversar com ele, ele dá uma pausa, abre um sorriso e volta a chorar!!! Sim, ele é assim!

Coisa mais fácil do mundo é fazê-lo sorrir, rir, soltar gargalhadas, dar gritinhos de alegria... 

Ele é muito amável e eu quase morro de tanto orgulho!

Quando saímos com ele é impossível voltarmos pra casa sem que pelo menos umas 2 ou 3 ou 10 pessoas não parem pra vê-lo, pra falar com a gente, pra mostrá-lo pra alguém... E pra delírio da moçada ele ainda faz graça, é só conversar com ele e ele já se abre feito uma mala aberta (neste momento, eu confesso, morro de ciúmes, sinto vontade de fechar a capotinha do carrinho pra ninguém mais vê-lo! rs... a doida, né?! rs).
Bem, qdo ele completou 3 meses nós nos mudamos de Londrina-PR, voltamos para o interior de SP, ou seja, já estamos aqui há um mês e nem preciso dizer que foi um mês SUPER conturbado, corrido, mil coisas pra arrumar e organizar na casa nova... Por isso ando meio devagar com as postagens... Aos poucos vou conseguindo...

Percebi que o Davi ainda está se acostumando à casa nova, pois depois que viemos de Londrina, passamos 15 dias na casa da mha irmã e depois viemos pra nossa casa... Então, imaginem, qdo ele começou acostumar com a casa da minha irmã, mudamos de novo.... Mas, acredito que agora tudo já está se  normalizando.

 Agora quero deixar registrado aqui algumas descobertas, acontecimentos e particularidades do meu Davi, do seu 4º mês de vida:


  • Aprendeu dar os bracinhos para pedir colo, a primeira felizarda foi minha irmã, a Mel (acho que não fui eu, pq neste momento ele já estava em meu colo! Rs); 

  • Por 3 vezes tirou sonequinha à tarde com duração de mais de 3 horas (isso nunca tinha acontecido desde que nasceu!), uma delas em casa (Londrina) comigo ao lado, dormimos os dois! A outra na casa da minha irmã e a outra na casa nova, no dia que instalamos o ar condicionado; 

  • Tb já percebi que qdo eu me deito com ele para a sonequinha das 17:30/18:00 (após banho) ele dorme muito mais tempo, em geral passa de 1 hora; 

  • Impressionante o quanto já “fala”, solta cada grito, resmunga, fica o tempo todo assim... Parece que não se aguenta de vontade de conversar... 
  • Mudamos de casa, de Estado; 
  • Levanta o trocador do berço desmontável com os pés; 





  • Continua fazendo bolhinhas de cuspinho com a boca;

  • Muita mão na boca (pro desespero da mamãe);





  • Cada dia mais durinho, só quer saber de ficar em pé;





  • Usou seu primeiro bonezinho (ganhou da vovó Neuza);


  • Se está no meu colo e alguém brinca com ele, ele esconde o rostinho no meu ombro e depois olha pra pessoa de “rabo de olho” pra ver se a pessoa vai continuar brincando com ele... Fica fazendo “vergonha”, e tão lindo! Rs; 




  • Tirou foto com o papai Noel;



  • Aprendeu morder o bico do seio qdo termina de mamar ou qdo quer brincar, morde e estica, sei lá que ele pensa, sei que ta achando isso super engraçado...rs (pobre de mim! Rs... Só fico pensando em qdo ele tiver dentinhos...) 

  • Olha pra mim e sorri enquanto mama!


  • Fica mordendo os lábios, tão lindo!



  • Dormiu de bruços pela primeira vez;



  • Virou de bruços sozinho pela primeira vez, mas ainda não conseguiu desvirar totalmente;

  • Aprendeu a levar a mão em direção aos objetos e a pegá-los, ainda meio descoordenado, mas já pega os objetos e, claro, os leva direto à boca; 




 

  • Agarra a fraldinha com as duas mãozinhas;




  • Gosta de ficar mexendo na minha blusa ou na fraldinha enquanto mama;






  • Começou a me “beijar”, cada beijo babado, que eu amoooo;




  • Agora já puxa meus cabelos (ai ai ai);




  • Muitas vezes está no carrinho e levanta o corpinho sozinho, quase sentando;

  • Cada dia mais durinho qdo está de bruços;

  • Gosta de ficar sentadinho, não quer mais saber de ficar deitadinho não;




  • Agora (já quase completando os 4 meses e entrando no 5º) ele descobriu que pode sentar na banheira e não quer mais ficar deitadinho na sua redinha, só quer tomar banho sentado agora! 




  • Adora tirar suas sonequinhas na mha cama e com arzinho ligado;






  • Tomou vacina dos 4 meses, que dózinha, desta vez eu entrei na sala;



  • Fizemos um bolinho de 4º mêsversário já na casa nova - dessa vez não deu tempo para bexigas e tudo mais, foi na cozinha mesmo...rs...;




Com a bisa materna, no dia do mêsversário!



Agora com vocês uma prévia do ensaio fotográfico dele de 4 meses:


*** Consulta de 4 meses:
60 cm e 6.500 kg

quarta-feira, 27 de novembro de 2013

E com vocês: O quartinho do Davi!!!!

 **** Meninas, este post estava escrito há meses, na verdade eu o escrevi mais ou menos uma semana antes do Davi nascer e acabou que depois que ele nasceu minha vida virou de pernas pro ar  eu postei outras coisas e o post ficou aqui esquecido nos “rascunhos”... Posto agora, com todo carinho e orgulho do mundo... Espero que vocês gostem! ***

 
Oi minhas lindas,

Este post é MUITO especial pra mim, vocês vão entender o porquê.Seria só pra mostrar o quartinho do meu Davi, fiz até um vídeo (com ajuda e participação especial do maridinho) e tirei vááárias fotinhos, mas antes eu preciso falar algumas coisinhas, desculpem se eu me estender... Mas, meu coração me incomoda e pede pra eu escrever, na verdade, preciso fazer um pequeno desabafo, seguido de um IMENSO agradecimento a Deus, ao meu marido e à minha família.

Qdo descobri a gravidez eu me desesperei um pouco, vocês devem ter notado isso nos meus primeiros posts... Foram tantos medos, inseguranças, tantos questionamentos e as dúvidas tomaram conta dos meus dias e pensamentos... Por algum tempo eu me perguntei se as coisas iam mesmo dar certo... Eu não vou negar, lá no comecinho eu me senti meio perdida... A situação financeira tb não era das melhores (eu estava desempregada e meu marido mudando de área) e foram inúmeras conversas com meu marido sobre como faríamos, especialmente com relação ao quartinho do nosso filho, desde então esta já era uma grande preocupação para mim (acho que para todas as mamães)... Eu não sabia por onde começar, não podia gastar por conta e as coisas tinham que ser muito bem pensadas e planejadas... Meu marido SEMPRE tentava me tranquilizar e me transmitia muita segurança de que sim, tudo ia dar certo e que faríamos sim o quartinho do Davi... Porém, sempre me chamando pra realidade e tentando me fazer entender que "talvez" não seria TUDO exatamente como eu sonhei...

No começo eu não acreditava que ia conseguir fazer o quartinho do jeitinho que eu queria e achava que ele merecia... Eu sou MUITO detalhista e caprichosa com as coisas, com a casa, e imagina, com o quartinho do meu filhote não seria diferente... E por mais que o Dani tentasse me colocar pra cima, eu me sentia triste, pq achava que teria que me conformar com o “basiquinho” e que nada ficaria como eu sonhei... Fui protelando e postergando as compras, planilha daqui, planilha dali, economiza daqui, de lá... Foi um exercício pra mim, especialmente pq eu tinha um emprego muito bom e um ótimo salário até pouco tempo antes de engravidar... E como a vida é feita de altos e baixos, as coisas mudaram e de repente me vi vivendo outra situação, justamente qdo me descobri grávida... (mas Deus sabe o que faz!)

Colocamos Deus na frente e as coisas foram acontecendo, enfim, as semanas foram passando, as coisas clareando, Deus trabalhando e TUDO foi dando certo, as coisas melhorando pra gente e tudo foi se encaixando... Sentimos nitidamente o agir de Deus em nossas vidas, especialmente nestes meses de gestação... (Não só pela parte material, mas principalmente por ter cuidado tanto de mim e o do meu pequeno, me proporcionando uma gravidez super saudável, sem NENHUMA intercorrência, sem problema algum de saúde (mesmo tendo indo a dois médicos que garantiram que eu não engravidaria sem tratamento... já falei disso....)

Eu parei de me lamentar, de chorar e coloquei a cabeça pra funcionar, a criatividade aflorou, coloquei a mão na massa (como vocês viram aqui). Penso que a criatividade é a inteligência em exercício... E qdo não temos dinheiro sobrando, temos que ser criativos e encontrar soluções... Pq pra TUDO tem um jeito!

Aos poucos fui idealizando o quartinho, a decoração, o que seria possível e o que eu teria mesmo que abrir mão e mesmo tendo que abrir mão, isso já não me doía mais... Sabia que tudo ia dar certo e meu filho teria o MELHOR que eu e o pai dele podíamos oferecer naquele momento... E ele não seria menos feliz se não tivesse isso ou aquilo... Pq amor, ah isso não ia faltar nunca!!!


Qdo estava tudo decidido e finalmente íamos começar a montar o quartinho (lembro que tínhamos comprado as tintas e íamos pintar as paredes naquele final de semana) eis que o proprietário do apto pede o imóvel e tivemos que mudar meio às pressas (eu estava com pouco mais de 6 meses)... Ficamos preocupados, claro, mudança sempre gera gastos e imprevistos... Porém, não nos deixamos abater e eu mais uma vez arregacei as mangas e saí à procura de um novo apto... Lembro que em uma semana visitei mais de 20 aptos!!! (o Dani não tinha tempo e eu tive que ver tudo sozinha).

E como Deus é perfeito e maravilhoso, ele preparou um lindo apto pra gente (e diga se de passagem foi o primeiro que tínhamos visto!!! Não sei pq visitei os outros, acho que por desencargo de consciência, ou de teimosa mesmo...rs) bem maior, com 3 quartos, um quarto a mais que o anterior, 2 banheiros, sacada, novinho (nunca ninguém tinha morado aqui) e com um preço ótimo, na verdade, até um pouco mais barato que o outro que morávamos!!!

Neste o quartinho dele seria um pouco maior, graças a Deus não tínhamos feito nada ainda no outro apto e começamos o projeto do zero novamente... Nisso já estava com quase 7 meses!

Quanto aos móveis, conseguimos comprar um ótimo guarda-roupa pra ele, (optamos por um grande, que ele possa usar por muitos anos), a poltrona de amamentar, a mesinha do abajur e a cômoda. O bercinho nós ganhamos da minha tia Nadir. Aliás, ela nos deu 2 bercinhos, o desmontável e este aqui do quarto, estilo americano, lindoooooo!!!

O enxoval: Kit Berço, cortina, porta-fraldas, kit carrinho, kit bebê conforto e inúmeras outras peças do enxoval, minha mãe me ajudou a pagar, na verdade pagou a maior parte!

O carrinho de bebê foi presente do meu irmão e cunhada.

A banheira foi presente da minha irmã Mel e cunhado.

Sem contar as inúmeras roupinhas que ele ganhou!!! Minha cunhada, a Camila, esposa do meu irmão, se superou... Doidinha, comprou MUITA coisa pro Davi!!!

Minha família ainda fez um chá de fraldas surpresa pra ele e com isso tivemos, ainda temos, um ótimo estoque de fraldas!!!

Confesso que minha família me surpreendeu, pq são pessoas extremamente simples e vivem ali com o dinheiro contadinho, mas fizeram TUDO que podiam e mais um pouco!!! E o mais incrível foi ver o amor com que fizeram tudo, sentimos que fizeram tudo de coração mesmo!!

E o amor com que esperaram o Davi, isso sim me comoveu!!! 


Nem sei se um dia eu conseguirei agradecer tanto carinho!

Obrigada família!!! Contudo, vocês são tudo pra mim. E neste momento pude sentir que não há “diferenças” relevantes perto deste momento tão lindo que vivemos e estamos vivendo.

Que o Davi saiba, entenda e reconheça o verdadeiro valor da FAMÍLIA.

Agora quero agradecer o papai Dani, o HOMEM que me surpreende a cada dia!
Um “menino” que eu vi se transformar num HOMEM maduro, responsável, seguro... Sem nunca perder a leveza, o carisma e o bom-humor, características marcantes deste papai tão presente, atencioso e carinhoso!!!

Obrigada meu amor, por ter pintado a parede do quarto, montado o guarda-roupa, montado o berço, instalado a luminária, instalado o mosquiteiro, instalado a cortina, pintado e instalado a prateleira, pregado os quadrinhos na parede, consertado a tomada do abajur e do aquecedor elétrico, contribuído com sugestões sobre os adesivos da parede, sobre a cor do tapete, sobre a melhor disposição dos móveis, por ter escolhido o melhor cantinho da poltrona de amamentação, por ter comprado a redinha da banheira... E por nunca me dizer NÃO, se esforçando diariamente para atender todas as minhas vontades!

Obrigada por todos os finais de semana que você passou arrumando as coisas em casa, sem reclamar de nada.

Obrigada, especialmente, por ter me dado tanta força e ter me feito acreditar que tudo sairia sim do jeitinho que eu queria!!! Obrigada por tanto esforço, por trabalhar tanto e por nos proporcionar, a mim e ao Davi, o MELHOR, sempre. Obrigada por confiar em mim e no uso que eu faço do nosso dinheiro, por nunca ter questionado a necessidade e/ou o valor de alguma coisa que eu tenha comprado para nosso pequeno.

Por isso minhas amigas queridas, eu digo: Aqui vocês verão o quartinho dos sonhos!!! Não dos sonhos por ser chique e sofisticado, aqui não tem nada muito caro, mas cada detalhezinho, cada pedacinho deste cômodo foi pensado, planejado e executado com todo amor do mundo!!!

E, acreditem, dentro do possível eu economizei onde eu pude, muitas coisas eu mesma fiz e foi um prazer para mim!!!

Este post talvez tenha o intuito de acalmar as gravidinhas/mamães que estão atravessando uma fase difícil e pensando assim como eu pensei, que não dará certo, que não será possível... Dedico a vocês este texto, com o único objetivo de lhes incentivar a acreditarem em Deus, em vocês mesmas e aceitarem ajuda das pessoas que as querem bem. E creiam, TUDO VAI DAR CERTO, no fim TUDO DÁ CERTO!

E agora orgulhosamente apresento-lhes:

 O QUARTINHO DO MEU DAVI!!! PRONTINHO!!! 100% FINALIZADO!!!

(Em vídeo, feito com a ajuda e participação do papai Daniel - desculpem se o vídeo ficou longo, eu não sei editar... Sorry)

video

E agora algumas fotinhos, não ficaram mto boas, assim como o vídeo, pq foram tiradas com o celular...